Como Utilizar o Pinterest Para Fazer Vendas Como Afiliado

Júlio Fernandes Mkt /// Junho 2020

Como Utilizar o Pinterest Para Fazer Vendas Como Afiliado

 O Pinterest para muitos é apenas uma plataforma onde você entra e fica vislumbrado com fotos fofas de roupas estampadas e gatinhos, mas além de ser uma plataforma totalmente incrível, onde é possível encontrar novas tendências e também buscar incentivos para aumentar a criatividade. Mas não para por aí, além de ser uma rede social com foco em inspiração, o Pinterest está cada vez mais se consolidando como uma plataforma de tráfego orgânico, tanto para blogs ou página de vendas quanto para Youtube e Instagram. Isso torna possível utilizar o interesse para vender produtos digitais. Mas como eu faço para começar no Pinterest?

1 - Como Utilizar o Pinterest Para Fazer Vendas Como Afiliado

Antes de tudo vamos listar alguns pontos que você precisa ter claro.

O primeiro passo é compreender se o seu cliente está no Pinterest, muitas vezes encontramos um oceano azul – termo referente a um mar de oportunidades – e logo começaremos a produzir o conteúdo, porque desta forma podemos conseguir um lucro enorme. O problema é que se a minha pessoa não estiver em determinada plataforma, eu estarei perdendo meu tempo, portanto, o primeiro passo é descobrir se o meu público está dentro do Pinterest.

Vamos supor que o meu nicho seja moda e beleza – Qual é a forma mais rápida para eu descobrir seu o meu nicho está presente no Pinterest?

O primeiro passo é pensar o que meu nicho estaria consumindo dentro do Pinterest, a partir daí é hora de pesquisar. Faça buscas usando palavras-chaves voltadas para o seu nicho, inclusive se você trabalha com produto digital utilizar palavras-chaves e veja se existe conteúdo no Pinterest sobre.

Caso você já produza conteúdo, ou seja ativo em outras mídias sociais, faça uma pesquisa com sua audiência, pergunte se já utilizam o Pinterest e com qual qualificado. Desta forma você descobrirá se vale a pena investir em produção de conteúdo para a rede.

Mas porque estamos falando sobre conteúdo para trabalhar como Afiliados no Pinterest? Porque o conteúdo é a primeira linha de vendas, produzir um bom conteúdo é 50% da sua venda, acredite!

E caso o meu nicho não esteja no Pinterest, o que eu devo fazer?

Você avaliar se realmente vale a pena ingressar em uma plataforma, avalie qual estratégia seria a mais viável para você. Fique tranquilo que ao fim deste material vamos disponibilizar uma forma bacana para pensar a criação de conteúdo em várias mídias sociais.

2 - Como Utilizar o Pinterest Para Fazer Vendas Como Afiliado

Agora, vamos ao que importa, como vender no Pinterest?

Você já compreendeu até aqui que antes de iniciar em qualquer plataforma, até mesmo no interesse, é preciso avaliar se o seu público-alvo e pessoa estão inseridos e a partir disso traçar a estratégia mais viável para o seu negócio / mercado.

O primeiro passo é produzir conteúdo, ao pensarmos em vendas no Pinterest temos que pensar, em como deixar os nossos conteúdos mais fáceis de serem encontrados na rede social. Atrair pessoas no tráfego orgânico, este é o ponto fundamental. Para isso precisamos saber sobre três temas: palavras-chaves, descrições e associações de pinos.

Mas o que são cada um três três pontos. Vamos falar sobre eles agora!

Palavras-chaves: são as principais palavras que podem ser encontradas através das sugestões de preenchimento automático do Pinterest. Isso significa que você pode escrever uma palavra-chave head tail ou long tail e conseguir entender melhor o que está sendo buscado na plataforma sobre aquilo a partir do complemento que aparece na busca. E, assim, conseguir criar conteúdo que estão sendo buscados na plataforma.

Esse processo é semelhante ao pensamento do SEO para blogs, por exemplo, então, se quiser vale muito a pena pesquisar as principais palavras-chaves no Google Trends and Google Adwords.

Descrições: Ao criarmos um pino dentro da plataforma possuímos cerca de 500 caracteres para serem usados ​​como descrição da imagem.

Um detalhe bacana é que apenas 50 caracteres aparecem na descrição nos feeds, por isso é preciso inserir as palavras-chaves corretas e sempre tentar usar gatilhos mentais, justamente porque você quer induzir o seu seguidor a tomar uma ação, neste caso comprando um produto digital que você está vendendo.

O título também segue uma mesma regra. Ele pode ter até 100 caracteres e apenas 30 aparecem no feed do usuário.

 Organização dos Pins: O Pinterest tem organizado cada vez mais como massas, tendo uma infinidade de informações importantes para complementar, tais como o nome da pasta, descrição, categorias, capacidade, visão, personalização e colaboradores, está última sendo uma função fantástica.

3.jpg - Como Utilizar o Pinterest Para Fazer Vendas Como Afiliado

Qual estratégia ideal para vender no Pinterest ?

O primeiro passo é desenhar o seu funil de vendas, o objetivo do funil é direcionar a consciência do cliente, desta forma você conseguirá produzir conteúdo de acordo com a consciência do seu cliente. Ou seja, você possui preferência-lo a tomar a decisão correta através dos vários conteúdos que irá produzir, que irá despertar a consciência do seu prospecto.

A partir disso será possível identificar, em cada estágio do funil (atração, conversão, venda e encantamento) quais são as dores da sua persona.

Desta forma você pode desenvolver massas de post (conteúdos) para resolver como dores ou até mesmo criar várias massas com vários conteúdos, que variar de acordo com a dor do seu cliente.

O motivo disso tudo é que você pense no Pinterest como uma rede social para gerar tráfego orgânico, além de nutrir os seus clientes, consequentemente você irá gerar vendas. O objetivo é fazer o funil se tornar uma parte crucial da estratégia de vendas.

Você a partir de agora pensará no Pinterest como uma ferramenta para gerar vendas, portanto é essencial inserir os seus links de afiliados em cada um dos seus pinos. Eles podem direcionar para conteúdos e blogs, postagens em outras mídias como Instagram e youtube, e também para sua página de vendas.

Lembre-se sempre de adicionar o seu código de rastreamento, se utilizar um hotmart, coloque o seu código de rastreamento no seu hotlink de divulgação, será dessa forma que você conseguirá metrificar os seus esforços no Pinterest.

Isso é importante porque quando você entrar no seu relatório de vendas para identificar de onde surgiram como vendas, e quais postagens, massas renderam mais no Pinterest.

Outro ponto é que você também obtém anexar a seu pixel do FB (um código que rastreia ações do usuário) e desta forma pode também levar usuários para seu blog ou a assinar seu boletim informativo, a criação de lista possui “N” possibilidades. Realmente, existe um oceano azul no Pinterest.

4 - Como Utilizar o Pinterest Para Fazer Vendas Como Afiliado

Mas como eu devo criar os meus conteúdos no Pinterest?

 Atualmente existem dois formatos que são primordiais para a sua estratégia de vendas no Pinterest. Conteúdos verticais, aqueles que possuem título com imagens e infográficos (banners por exemplo).

Estes conteúdos funcionam bem, primeiro porque eles possuem uma ação clara, eles fazem o seu futuro cliente tomar uma ação. Quando o seu prospecto clica na imagem, ele recebe o seu conteúdo – aqui é onde você quebra objeções e nutri ele, de forma que ele caminhe em seu funil de vendas, até chegar ao fundo do funil. Quando ele estiver no fundo do funil ele tomar uma decisão, que pode ser clicar em um link e comprar o seu conteúdo (produto) ou ir para sua página de vendas. Isto pode variar de acordo com a sua estratégia.

É bacana que você utiliza o Pinterest como um complemento, agregue ele junto com outros meios de captação / conversão que você já utiliza. Por exemplo blog, youtube, instagram e e-mails marketing.

Além disso, tente reutilizar conteúdos de outras mídias que trouxeram resultados para você por exemplo, um artigo em seu blog que rendeu vários cliques no link – é mais do que válido transformar ele em conteúdo para o Pinterest.

Quais conteúdos chamam mais atenção?

É fundamental para que o seu pin chame atenção, que você deve pensar em copys matadoras, manchetes poderosas são a alma do seu negócio. Tente sempre usar gatilhos mentais como da Prova social, curiosidade, ancoragem e vários outros.

Outro ponto é que suas imagens precisam ter uma qualidade boa e também devem ser interessantes, principalmente porque a rede social possui essa vertente do belo e elegante. Você pode criar esses layouts tanto no Pinterest – que possui a própria plataforma de edição – ou utilizar o Canva.

Conheça mais o Canva clicando AQUI , ótimo para Afiliados.

66 1024x240 - Como Utilizar o Pinterest Para Fazer Vendas Como Afiliado
Quanto ao tamanho do post de conteúdo. Aposte em:

  • Infográfico: 800 x 2000
  • Verticais: 700 x 1.102

Tente criar uma identidade visual clara, para que seja possível que o seu prospecto identifique que existe ali um profissional.

Outro formato que funciona muito no Pinterest são os vídeos, além de serem ótimos para quebrarem objeções, quando o assunto é vendas, os vídeos são atrativos e interativos. Um formato que costuma funcionar muito bem é o vídeo nugget, além de ser muito simples de fazer, ele pode receber links – incluindo os seus links de afiliados – usar este formato de vídeo pode com certeza resultados trazer satisfatórios para você!

5 - Como Utilizar o Pinterest Para Fazer Vendas Como Afiliado
E quanto a frequência dos posts

Lembre-se independente de qual seja a mídia social a frequência e constância e juntas, portanto tente sempre desenvolver uma rotina de publicações para que o algoritmo da plataforma jogue ao seu favor. Além disso, o seu prospecto determinado – indiretamente – percebemos que existe um padrão de conteúdo, com isso ele tenderá a consumir mais os seus posts.

Vale lembrar que o próprio Pinterest possui uma ferramenta de agendamento de posts (pins), você pode observar os resultados através do Analytics do Pinterest, com isso é possível identificar quais conteúdos funcionam melhor e também qual linha editorial seguir.

Lembre-se de não só criar os seus pinos próprios, mas pinar as outras pessoas também. Essas duas ações são importantíssimas na rede para ter sucesso.

Chegamos ao fim, mas deixa eu te contar um segredo.

O Pinterest se porta como um local para pesquisas, portanto pode ser muito útil para gerar tráfego orgânico. Portanto, é crucial que você, enquanto produtor ou afiliado, tenha uma estratégia para uma plataforma.

Primeiro porque o retorno sobre o investimento será gigante, porque não existe custo, você não precisa investir em Anúncios no Pinterest, mas sim traçar organizações orgânicas, o que torna o seu ROI ainda maior. Logo, para quem trabalha como afiliado é fundamental, aumenta a sua margem de lucro.

Segundo que a sua estratégia de criação de conteúdo precisa estar ligada ao seu funil de vendas do produto. Não pense que é somente produzir conteúdo ou folders divulgar o seu produto digital, isso não trará resultado. É preciso que exista uma estratégia que esteja ligada ao nível de consciência do seu cliente, porque desta forma você pode criar massas e pinos, que se desespere para se conscientizar e façam ele caminhar dentro do seu funil de vendas.

Por fim, é crucial que você tenha um calendário editorial, isso aumentará a sua frequência nas mídias sociais. Além disso, lembre-se sempre de programar os pinos (posts) dentro do próprio Pinterest, porque isso facilitará o acesso.

Se eu puder te dar uma dica de ouro, essa dica é, faça um teste. Teste os seus criativos, como suas cópias e crie um funil de vendas automático dentro da plataforma. Lembre-se sempre de tirar um tempo e uma vez ao mês e avaliar no Analytics do Pinterest como os seus posts (pins) estão performando. Desta forma cada vez mais você conseguirá evoluir o seu trabalho.

Compartilhe esse Artigo
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no email
Email